Entorse no joelho: Saiba como proceder logo após o problema

Entorse no joelho: Saiba como proceder logo após o problema

A entorse no joelho, também chamada torção do joelho, é muito comum principalmente para aqueles que praticam algum esporte ou atividade física regularmente.

Se isso acontecer com você, é provável que sinta dor, tenha um inchaço na região, hematomas e certa instabilidade ao caminhar, caso consiga colocar o pé no chão. Na maioria das vezes, essas lesões são fáceis de cuidar e, se forem superficiais, podem ser tratadas em casa, em 5 passos.

Tratamento da entorse no joelho

Há um plano clínico, composto de 5 etapas facilmente realizáveis, chamado Price. A sigla inglesa, usada pelos médicos especialistas, significa 5 palavras de comando que devem ser seguidas em sequência: proteção, repouso, gelo, compressão e elevação.

Continue lendo e entenda melhor sobre cada uma dessas etapas.

1. Proteção

O primeiro passo é parar qualquer que seja a atividade que culminou na lesão. Continuar a forçar o joelho machucado pode piorar em muito a situação. Depois, consiga de imediato algo para a proteção da área, coloque uma faixa ou tala ou ainda algo mais rígido que esteja à disposição, para evitar mexer a perna.

2. Repouso

O descanso do joelho é muito importante, por isso, tente evitar ao máximo colocar carga em cima dele. Quanto mais peso ele tiver que suportar, piores serão as consequências. Evite caminhadas também, o excesso de movimentação é a última coisa que você precisa nesse momento.

3. Gelo

As compressas geladas são úteis para a diminuição do inchaço, além de aliviar as dores. Aplique a compressa sobre o joelho por cerca de 20 minutos, 3 vezes ao dia, por pelo menos 3 dias. Caso não tenha as bolsas específicas, você pode colocar pedaços de gelo em uma bolsa, saco, toalha ou pano.

4. Compressão/imobilização

Imobilize o joelho com uma bandagem elástica ou estabilizadores próprios para joelhos, tais como as conhecidas joelheiras. Tenha cuidado apenas com relação à circulação, para que a bandagem não fique muito apertada e prejudique o fluxo sanguíneo.

5. Elevação

A última dica é sobre elevar o joelho lesionado. Você pode utilizar almofadas ou travesseiros para isso. Procure deitar de costas para baixo e levantar o joelho na altura do coração ou o máximo que conseguir. Isso fará com que a circulação na área machucada melhore e, como consequência, ajudará a diminuir o inchaço.

Complete todas as etapas e observe a evolução do local lesionado durante 5 dias, se a melhora gradativa em cada passo acontecer, tudo bem. No caso de não resolver, procure um médico para a avaliação clínica e a possível realização de exames. Em situações de entorse no joelho, podem ocorrer danos estruturais e problema nos ligamentos.

Os terrenos muito irregulares também oferecem perigo à estabilidade do joelho, principalmente se você for caminhar ou correr, tome cuidado com essas áreas. A fim de evitar as torções, pratique atividades físicas em terrenos planos e fuja desse tipo de problema.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder os seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como ortopedista em Belo Horizonte!

Autor:

Dr. Marco Túlio
Dicas para evitar problemas no joelho na hora de corrercorrersíndromes femoropatelaresVocê sabe o que são síndromes femoropatelares?

CONTATO DR. MARCO TÚLIO




Atendimento:

Ortolife
Avenida do Contorno Nº 4747 Sala 901
Bairro: Funcionários
Telefone: (31) 3223-5080

D.A.L
Av. Pres. Antônio Carlos, 1694
Bairro:  Cachoeirinha
Telefone: (31) 3421-4666

Médico:

Dr. Marco Túlio Lopes
Ortopedista – CPM 23655

Desenvolvimento:

Formulário de Contato







    WhatsApp chat